terça-feira, 24 de julho de 2012

“Eu não te culpo. Eu, no seu lugar, faria o mesmo, talvez. É que eu sou uma pessoa difícil de lidar, de conviver, de amar.” — Querido John.

Nenhum comentário:

Postar um comentário